NOVIDADES

02/08/21

Fliv divulga programação com 90 atividades

Festival começa nesta quinta-feira e marca aniversário de 84 anos de Votuporanga
 
A programação completa da 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga - Fliv está disponível no site oficial do evento, que será on-line entre os dias 5 e 8 de agosto e transmitido na íntegra pelas redes sociais e pela plataforma do Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa, disponível nas lojas Apple Store e Google Play para Iphone e Android. 
 
Com cerca de 90 atividades, o Fliv contará com encontros com nomes conhecidos, como a atriz global Fabiana Karla e o criador da Comic Con Ivan Costa, além de um show de encerramento com o cantor e compositor Toni Garrido. Acesse e confira tudo em www.flivotuporanga.com.br

Os artistas locais terão destaque na programação, com contações de histórias com a Cia Entre Aspas; oficina de dança urbana com Ticko B-boy; bate-papo com o artista Edgard Andreatta; bate-papo com escritores locais; e os shows com o Grupo Os Partideiros, Grupo Nossa Teoria, Grupo Jeito Nosso, Banda Musical Zequinha de Abreu, Banca Acústico 2Ms, Banda SP 520, Amadeu Álamo, Canevettes Rock’n Roll Band, LauraMoon e os Lunáticos e Sarah Celi.
 
Neste ano, o evento on-line terá a temática “Infinitudes e Saberes Ancestrais”, refletindo sobre o protagonismo de negros e indígenas na literatura, arte e cultura.
 
A curadora literária será a carioca Ludmilla Lis, mulher negra, mestra em Relações Étnico-Raciais pelo CEFET-RJ, atriz, diretora teatral e performer. Dentre os nomes destacados como pensadores e escritores convidados estão: Lívia Natália; Julie Dorrico; Ellen Lima; Cidinha da Silva, Fabiana Cozza e Lirinha.
 
Flivinho
Neste ano, as crianças terão um espaço reservado para curtir a programação de contações de histórias, espetáculos e oficinas. Entre as atrações confirmadas para o chamado Flivinho estão espetáculos com o mágico Giovanni Brigth, com o mágico Volckane, com a Cia Polichinelo, A Peste Cia Urbana de Teatro e Cia Ouro Velho; contações de histórias com Kiara Terra, Gigio Mantovani e Cia Entre Aspas; e oficinas com Adriana Reis, Bruna Souza, Cristina Okoti, Eliane Pavani, Ligia Rodrigues e Rosicler Dourado; além do sarau infantil com Rodrigo Ciríaco e Coletivo Mesquiteiros.
 
O Flivinho fará parte da programação escolar de Votuporanga e região, por meio da parceria com a rede municipal e com os 65 municípios do Arranjo de Desenvolvimento da Educação do Noroeste Paulista e apoio da Secretaria Municipal de Educação.
 
Realização
A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeitura de Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Os apoiadores são: Organização Social Amigos da Arte, Poiesis Instituto de Apoio à Cultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Starb, Unifev, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TV TEM.

LINKS

Fotos
https://www.flickr.com/photos/fliv/

Programação completa
http://www.flivotuporanga.com.br/2019/_arquivo/programacao_2021.pdf

29/07/21

Fliv terá bate-papo com criador da Comic Con

Ivan Costa falará sobre a “A Cultura Pop e a Comic Con” na 11ª edição do evento

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga tem um espaço reservado para os amantes da cultura pop. No sábado (07/08), às 19h, um dos criadores da CCXP, Ivan Costa, participará de um bate-papo sobre “A Cultura Pop e a Comic Con”, com a participação de Aleph Eichemberg e mediação de Marco Prado.

O encontro on-line será sobre a CCXP Comic Con Experience, evento de cultura pop e entretenimento que, em apenas seis edições, já se firmou como o maior evento do gênero no mundo, reunindo 280 mil pessoas na edição de 2019.

Ivan Freitas da Costa ama quadrinhos desde que se conhece por gente. Enquanto construía uma sólida carreira como executivo de Marketing em empresas como Ericsson, Insper, FAAP e FIAP, encontrou tempo e energia para participar da organização do FIQ – Festival Internacional de Quadrinhos de Belo Horizonte e também para reunir uma vasta coleção de arte, organizada em exposições que já lhe renderam quatro troféus HQMIX. Até que, em 2013, essa paixão reclamou mais do seu tempo e dedicação e, ao lado do amigo Joe Prado, fundou a Chiaroscuro Studios, maior empresa do mundo no agenciamento de quadrinistas representando mais de 60 artistas brasileiros e estrangeiros.

No mesmo ano, cofundou a CCXP Comic Con Experience, além da GameXP, evento em parceria com o Rock in Rio e Rede Globo e da CCXP Cologne, na Alemanha. É também curador de grandes exposições de arte e de cultura pop, entre elas a expo Quadrinhos, no MIS Museu da Imagem e do Som (nov18-mar19), e Batman 80 - A Exposição, no Memorial da América Latina (set19-fev20). Atua ainda como palestrante nas áreas de cultura pop, histórias em quadrinhos e empreendedorismo. Mora em São Paulo, mas seu coração está sempre em Gotham City.

Para ficar por dentro de todas as novidades do festival, inscreva-se no canal Youtube.com/flivvotuporanga e siga as redes sociais @flivotuporanga. O Festival será transmitido na íntegra pela plataforma do Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa, que lançou neste mês um aplicativo, já disponível nas lojas Apple Store e Google Play para Iphone e Android, para facilitar o acesso à cultura na palma da mão.

Realização

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeitura de Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Os apoiadores são: Organização Social Amigos da Arte, Poiesis Instituto de Apoio a Cultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Starb, Unifev, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TV TEM.

28/07/21

Margareth Menezes e Luedji Luna são atrações confirmadas para o Fliv

Depois da confirmação de Toni Garrido, outras grandes vozes da música brasileira marcarão presença nesta edição do Festival

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga vem recheada de lives shows com grandes nomes da música. A mais nova confirmação é da cantora Margareth Menezes, considerada a potência feminina do afropop brasileiro, e que se apresentará no sábado (7/8), às 21h num show virtual para o público. Também está confirmado o show da cantora baiana Luedji Luna na sexta- feira (6/8), às 21h.
  
O tema do Fliv 2021 “Infinitudes e Saberes Ancentrais”, que aborda o protagonismo de negros e indígenas nas mais variadas formas de arte, está diretamente alinhado ao conceito artístico e sociocultural dos 34 anos de carreira da cantora, que é símbolo da representatividade de um fazer musical urbano, com base ancestral fincada nas raízes afro-brasileiras.

Indicada pela quarta vez ao Grammy, a maior premiação de música do mundo, Margareth Menezes atuou também como protagonista em um seriado de streaming voltado para a população negra; e foi nomeada embaixadora do Folclore e da Cultura Popular do Brasil pela IOV/Unesco. Uma das artistas brasileiras mais ouvidas internacionalmente, reverbera em seu trabalho a ancestralidade afro ao mesmo tempo em que se conecta a um vasto universo de possibilidades rítmicas.
 
Na 11ª edição da Fliv, Margareth Menezes apresenta um show eletroacústico, mais intimista, acompanhada pelos músicos Tito Oliveira, na percuteria, e Alex Mesquita, no violão e na guitarra. O show passa por grandes sucessos dos seus 34 anos de carreira e por canções do seu trabalho mais recente, o álbum "Autêntica", lançado em 2019 e indicado ao Grammy Latino. 
 
Para ficar por dentro de todas as novidades do festival, inscreva-se no canal Youtube.com/flivvotuporanga e siga as redes sociais @flivotuporanga. O Festival será transmitido na íntegra pela plataforma do Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa, que lançou neste mês um aplicativo, já disponível nas lojas Apple Store e Google Play para Iphone e Android, para facilitar o acesso à cultura na palma da mão.

Luedji Luna
A cantora baiana Luedji Luna em parceria com o MC Zudizilla apresentarão um show inédito reunindo canções de ambos os artistas, incluindo faixas do EP Mundo e o mais recente single em conjunto "Proveito", e também releituras de artistas referência na carreira dos dois. A sutileza vocal de Luedji é envolvida por bases eletrônicas e complementada pelo rap de Zudizilla.

Realização
A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeitura de Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Os apoiadores são: Organização Social Amigos da Arte, Poiesis Instituto de Apoio a Cultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Starb, Unifev, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TV TEM.

Fotos Margareth: Fernando Torquatto

26/07/21

Artistas locais terão destaque na programação do Fliv

Os grupos Os Partideiros, Nossa Teoria, Jeito Nosso e Zequinha de Abreuestão entre as atrações confirmadas

Umas das marcas registradas do Festival Literário de Votuporanga - Fliv é a participação de atrações locais e regionais na programação, dando oportunidade e visibilidade aos artistas dentro de um dos maiores eventos multiculturais do Estado. Shows com bandas da cidade e atividades diversas estão confirmadas para a 11ª edição do Fliv, de 5 a 8 de agosto.

A programação trará contações de histórias com a Cia Entre Aspas; oficina de dança urbana com Ticko B-boy; bate-papo com o artista Edgard Andreatta; bate-papo com escritores locais; e os shows com o Grupo Os Partideiros, GrupoNossa Teoria, Grupo Jeito Nosso, Banda Musical Zequinha de Abreu, Banca Acústico 2Ms, Banda SP 520, Amadeu Álamo, Canevettes Rock’n Roll Band, LauraMoon e os Lunáticos e Sarah Celi.

As contratações são viabilizadas por meio de iniciativas do Governo do Estado de São Paulo juntamente com a Secretaria de Cultura e Turismo deVotuporanga. “É gratificante o reconhecimento dos talentos que ficam ocultos aogrande público, e assim abrindo espaço e oportunidades, valorizando a importância da classe artística, tão judiada nesses tempos de pandemia”, relata a cantora local Sarah Celi, que ganhou grande repercussão recentemente pelaparticipação nos programas The Voice Brasil (Globo) e Máquina da Fama (SBT).

“Os artistas de Votuporanga terão a oportunidade de apresentar nossa arte nos mais variados segmentos no Fliv. Temos muitos talentos em nossa cidade que contribuirão com a temática do festival este ano e, pela internet, mostraremos ao mundo do que nossas pratas da casa são capazes”, destacou a Secretária e Cultura e Turismo, Janaina Silva.

A programação completa estará disponível no site nos próximos dias. Inscreva-se no canal Youtube.com/flivvotuporanga e siga as redes sociais@flivotuporanga. O Festival será transmitido na íntegra pela plataforma do Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa, que lançou neste mês um aplicativo, já disponível nas lojas Apple Store e Google Play para Iphone e Android, para facilitar o acesso à cultura na palma da mão.

 Realização

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeitura de Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Os apoiadores são: Organização Social Amigos da Arte, Poiesis Instituto de Apoio aCultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Starb, Unifev, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TV TEM.

Mais fotos: 

https://www.flickr.com/photos/fliv/albums/72157719595977511

20/07/21

Grandes nomes da literatura, música e artes serão homenageados no Fliv

Solano Trindade, Conceição Evaristo, Elza Soares e Laerte Coutinho são os artistas homenageados nos quatro dias de evento

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga - Fliv não terá apenas um, masquatro homenageados. Serão quatro mesas de bate-papo virtual em que grandesnomes da literatura, música e arte terão suas obras discutidas por convidados.O poeta Solano Trindade, a escritora Conceição Evaristo, a cantora Elza Soarese a cartunista Laerte Coutinho foram os nomes escolhidos para contextualizar atemática “Infinitudes e Saberes Ancestrais”, que traz uma abordagem acerca daautoria, identidade e luta por espaços no universo artístico.

 

Os bate-papos trarão uma proposta ousada e forte para essa edição do Festival, queserá on-line, mediado pela curadora literária, Ludmilla Lis. A ideia é explanarsobre a identidade e essência da escrita, música e arte produzida peloshomenageados e como essa autoria é importante para a construção da sociedade. Acada dia, um dos nomes citados anteriormente será homenageado nas rodas deconversa com escritores convidados. Dentre os nomes de convidados confirmados,estão: Fabiana Cozza, Lirinha, Livia Natalia, Julie Dorrico, Adriana Couto,Fabiana Carla e Cidinha da Silva.

 

O Fliv já homenageou outros nomes da literatura brasileira, entre eles PedroBandeira, Maria Valéria Rezende, Paula Pimenta, Arnaldo Antunes, Cora Coralina,Manoel de Barros, Vinícius de Moraes e Lygia Fagundes Telles. “Destacaremosautores e autoras negras, resgatando e valorizando a importância da culturaafro e indígena e suas influências em nosso passado, presente e futuro e, suarelevante influência nos mais diversos segmentos culturais e na sociedadebrasileira”, ressaltou Janaína Silva, secretária de Cultura e Turismo deVotuporanga.

 

A programação completa com tema de cada bate-papo estará disponível no site nospróximos dias. Inscreva-se no canal Youtube.com/flivvotuporanga e siga as redessociais @flivotuporanga. O Festival será transmitido na íntegra pela plataformado Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa.

 

Homenageados

Solano Trindade

Solano Trindade nasceu em Recife, filho de sapateiro e quituteira, descendente denegros e indígenas. Segundo críticos, foi o grande criador da poesia“assumidamente negra”. Trabalhou também como artista plástico, folclorista,ator, teatrólogo e cineasta. Sua poesia registra a sua biografia marcada pelapaixão pelas mulheres, uma identidade racial e social identificada com negros ecom as classes populares.

 

Conceição Evaristo

Mariada Conceição Evaristo de Brito é Mestre em Literatura Brasileira pela PUC doRio de Janeiro, Doutora em Literatura Comparada na Universidade FederalFluminense e participante ativa dos movimentos de valorização da cultura negrano Brasil. A escritora participa de publicações na França, Líbano, Portugal eEstados Unidos. É uma das mais influentes literatas do movimento pós-modernistano Brasil, escrevendo nos gêneros da poesia, romance, conto e ensaio.

 

Elza Soares

Elza Soares, cantora e compositora brasileira reconhecida pela sua famosa voz rouca,é um dos maiores nomes da música popular brasileira. Em 1999, foi eleita pelaRádio BBC de Londres como a cantora brasileira do milênio. Enfrentou opreconceito ao se posicionar como artista num contexto onde a mulher negra nãotinha vez e voz. A “mulher do fim do mundo” se destacou no mundo da música eganhou espaço e reconhecimento.

 

Laerte Coutinho

Laerte Coutinho é uma cartunista e chargista brasileira considerada uma das artistasmais importantes dessa área no país. Laerte participou de diversas publicaçõescomo a Balão e O Pasquim. Também colaborou com as revistas Veja e IstoÉ e osjornais Folha de S.Paulo e O Estado de S. Paulo. Identificou-se comotransgênero e trouxe o assunto para a mídia, tornando-se cofundadora de umainstituição voltada a pessoas com essa nuance de gênero, a ABRAT – AssociaçãoBrasileira de Transgêneras.

 

Realização

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeiturade Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio daSecretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e Prefeiturade Votuporanga. Os apoiadores são: Associação Paulista Amigos da Arte, PoiesisInstituto de Apoio a Cultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo,Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Unifev,Starbene, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TVTEM.

 

Festival Literário de Votuporanga

Realizada desde 2006, a tradicional Feira do Livro de Votuporanga deu espaço, em 2011, aoFliv - Festival Literário de Votuporanga, um dos maiores eventos multiculturaisdo estado, que reúne diversas atividades inteiramente gratuitas, ligadas àliteratura, às artes e à cultura.

 

O festival tem em sua programação, além de bate-papos com grandes nomes daliteratura nacional, sessões de contação de histórias, espetáculos musicais,apresentações teatrais e de dança, oficinas, workshops e espaços voltados paraexposição e venda de livros.

 

Em 2019, o Festival teve recorde de atividades promovidas. Durante nove dias, aprogramação contou com mais de 450 ações, que aconteceram em 17 espaçospreparados para o evento, no Parque da Cultura “Profª Adoração Esteves GarciaHernandez”. Centenas de pessoas, de escolas e entidades da cidade e regiãovisitaram o evento e aproveitaram cada momento de oficinas, exposições,contações de histórias, paradas poéticas, shows musicais, filmes, palestras,atividades recreativas, intervenções, espetáculos teatrais, bate-papo comescritores e praça de alimentação. Em 2020 a edição online já contabiliza maisde 100 mil acessos pelas plataformas digitais.

Mais fotos: https://www.flickr.com/photos/fliv/albums/72157719564395403

16/07/21

Fliv 2021 abordará protagonismo de negros e indígenas na arte

Infinitudes e Saberes Ancestrais é o tema da 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga, de 5 a 8 de agosto, que terá Show de Toni Garrido para encerrar o evento

Na mesma semana em que Votuporanga comemora 84 anos, a cidade será palco do Festival Literário que será realizado de 5 a 8 de agosto. Os detalhes foram apresentados na manhã desta sexta-feira (16/7) em lançamento transmitido pelas redes sociais e com a participação de representantes do Governo do Estado, Prefeitura, TV TEM e apoiadores. Entre os nomes de destaque da nova programação estão o do cantor e compositor Toni Garrido e da atriz global e autora infantil Fabiana Karla.

O tema escolhido para a edição chamou a atenção pela importância. A 11ª edição do Fliv terá a temática “Infinitudes e Saberes Ancestrais” e reflete sobre o protagonismo de negros e indígenas na literatura, arte e cultura. A curadora literária será a carioca Ludmilla Lis, mulher negra, mestra em Relações Étnico-Raciais pelo CEFET-RJ, atriz, diretora teatral e performer. Dentre os nomes destacados como pensadores e escritores convidados estão: Lívia Natália; Julie Dorrico; Ellen Lima; Cidinha da Silva, Fabiana Cozza e Lirinha. A atração musical que encerra o evento ficará por conta do cantor e compositor Toni Garrido. Além de bate-papo, o público poderá acompanhar às apresentações de espetáculos, contação de histórias, oficinas e shows.

Caracterizado como um dos principais eventos multiculturais do Estado, o Festival manterá o formato especial adotado na edição passada para atender às normas de segurança contra a pandemia. A maior parte da programação será on-line, com eventos no formato drive-in.

Lançamento
A cerimônia de lançamento foi bastante prestigiada por autoridades e acompanhada por um grande público na transmissão ao vivo pelas redes sociais. Junto com o prefeito Jorge Seba e a primeira-dama Rose Seba, participaram o presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, Carlão Pignatari; o Secretário Estadual de Cultura e Economia Criativa, Sérgio Sá Leitão; representando a Associação Amigos da Arte, José Mauro; Luiz Ricardo Queiroz, Diretor Regional da da TV TEM; Ludmilla Lis, Curadora do Fliv; Thiago Gualberto, Vereador; Cabo Valter, Vice-Prefeito; a Secretária Municipal de Cultura e Turismo, Janaina Silva e o gestor administrativo da Unifev, Raynner Toschi.

O prefeito Jorge Seba destacou a importância de um evento desse porte para o município. “A cultura tem que ser valorizada por nós, gestores públicos. É uma honra termos um evento como esse em Votuporanga, que projeta a nossa cidade a nível nacional, além de valorizar os nossos artistas e levar arte para a população”, ressaltou.

As atividades serão transmitidas no canal do Youtube e redes sociais do Festival, da Prefeitura e Secretaria da Cultura e Turismo. “Preparamos uma programação repleta de magia, contação de histórias, teatro, música e muito aprendizado. Preciso ressaltar aqui, a parceira com a educação, meu agradecimento ao Secretário Municipal, Marcelo Batista, por envolver os alunos da rede municipal e também 65 municípios do Arranjo de Desenvolvimento da Educação Noroeste Paulista. Este ano o Fliv fará parte da programação escolar de nossa cidade e da região. Também estamos com diversas atividades para o público jovem e adulto, com exposição virtual, oficinas, shows e muito mais”, declarou Janaina Silva.

A programação completa estará disponível no site nos próximos dias. Inscreva-se no canal Youtube.com/flivvotuporanga e siga as redes sociais @flivotuporanga. O Festival será transmitido na íntegra pela plataforma do Governo do Estado de São Paulo #CulturaEmCasa, que lançou neste mês um aplicativo para facilitar o acesso à cultura na palma da mão.

Realização

A 11ª edição do Festival Literário de Votuporanga será realizada pela Prefeitura de Votuporanga juntamente com o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e Prefeitura de Votuporanga. Os apoiadores são: Associação Paulista Amigos da Arte, Poiesis Instituto de Apoio a Cultura e a Literatura, Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu da Imagem Som e Museu Casa das Rosas. Patrocinadores: Facchini, Unifev, Starbene, Cantoia e Figueiredo, Astra Turismo e Flash Net Brasil. Promoção: TV TEM.

Homenageados
Serão quatro bate-papos com autores, um a cada dia de festival, em que personalidades da Literatura e da Música trarão suas ideias, impressões, obras e sentimentos sobre o fazer-literário no Brasil. Os homenageados são: o poeta Solano Trindade; a escritora Conceição Evaristo; a cantora Elza Soares e a cartunista Laerte Coutinho.

Curadoria literária
Ludmilla Lis é formada em Letras/Literaturas, professora de Língua Portuguesa, Mestra em Relações Étnico-Raciais pelo CEFET-RJ, atriz, diretora teatral e performer. Trabalha atualmente como assessora da escritora Conceição Evaristo.

Festival Literário de Votuporanga
Realizada desde 2006, a tradicional Feira do Livro de Votuporanga deu espaço, em 2011, ao Fliv - Festival Literário de Votuporanga, um dos maiores eventos multiculturais do estado, que reúne diversas atividades inteiramente gratuitas, ligadas à literatura, às artes e à cultura.

O festival tem em sua programação, além de bate-papos com grandes nomes da literatura nacional, sessões de contação de histórias, espetáculos musicais, apresentações teatrais e de dança, oficinas, workshops e espaços voltados para exposição e venda de livros.

Em 2019, o Festival teve recorde de atividades promovidas. Durante nove dias, a programação contou com mais de 450 ações, que aconteceram em 17 espaços preparados para o evento, no Parque da Cultura “Profª Adoração Esteves Garcia Hernandez”. Centenas de pessoas, de escolas e entidades da cidade e região visitaram o evento e aproveitaram cada momento de oficinas, exposições, contações de histórias, paradas poéticas, shows musicais, filmes, palestras, atividades recreativas, intervenções, espetáculos teatrais, bate-papo com escritores e praça de alimentação. Em 2020 a edição online já contabiliza mais de 100 mil acessos pelas plataformas digitais.

Mais fotos: https://www.flickr.com/photos/fliv/albums/72157719602255265

14/12/20

Programação on-line marcou a 10ª edição do FLIV

O Festival Literário de Votuporanga – FLIV encerrou a sua programação neste domingo (13/12). A 10ª edição de um dos maiores eventos multiculturais do Estado de São Paulo, que homenageou o escritor infanto-juvenil Pedro Bandeira, neste ano atravessou fronteiras com uma programação on-line. Foram cerca de 50 atrações, transmitidas em 56 horas de conexão por meio do Youtube e Facebook, com duas atrações transmitidas também pela TV Unifev. A população de toda a região ainda pode acompanhar um espetáculo de balé aéreo, por drive-in.

“O novo formato foi escolhido pela organização, para atender às exigências de segurança sanitária. Neste momento, onde a saúde é prioridade, levamos até às pessoas muita arte e cultura, com uma programação diversificada e voltada para todas as idades”, destacou a secretária de Cultura e Turismo, Silvia Stipp.

Por meio da internet, oficineiros, escritores e artistas se conectaram com a programação direto de seus locais de criação. Este ano, por exemplo, o FLIV contou com a participação de Kiara Terra, com contações de histórias apresentadas ao vivo de Portugal, e Cecília Araújo e Christina Mathis, com um musical produzido nos Estados Unidos.

Até a manhã desta segunda-feira (14/12), todas as atrações já tinham ultrapassado 9 mil visualizações no Facebook e Youtube. Quem não conseguiu acompanhar ao vivo cada apresentação, pode assistir no canal www.youtube.com/flivvotuporanga.  

Outra novidade divulgada pela organização do Festival é que a 10ª edição do FLIV segue no primeiro semestre de 2021. “Já estamos formatando algumas atividades que acontecerão próximas do público. Só estamos no aguardo das definições do Plano SP de Flexibilização para dar continuidade a essa programação”, finalizou Silvia Stipp.

Artistas locais

Uma das marcas do Festival Literário de Votuporanga, desde a sua primeira edição, é a valorização dos artistas locais. A programação on-line também teve esse diferencial. Foram mais de 100 votuporanguenses que levaram, em 20 apresentações, cultura para o público do FLIV, por meio da dança, das artes, do teatro, de oficinas, de bate-papo e da música.

Organização

A 10ª edição do Festival Literário de Votuporanga é uma realização da Prefeitura e do Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Cultura e Economia Criativa. Tem o patrocínio da Facchini e co-patrocínio da Unifev. Conta com a colaboração do Amigos da Arte, SisEB, SP Leituras, Pontos MIS, Poiesis, Museu Casa das Rosas e IFSP Votuporanga. A promoção é da TV TEM. Acompanhe mais informações em www.flivotuporanga.com.br ou nas redes sociais @flivotuporanga. 

12/12/20

Balé Aéreo drive-in encerrará edição do FLIV On-line, no domingo

O domingo (13/12) será especial para o Festival Literário de Votuporanga – FLIV, o último dia da edição on-line. Para marcar o encerramento, a programação terá a apresentação de balé aéreo, que poderá ser assistida pelo Youtube (www.youtube.com/flivvotuporanga), e também em formato drive-in, às 19h e às 21h, na área externa do IFSP de Votuporanga (Av. Jerônimo Figueira da Costa, 3014).

Quem optar em assistir ao espetáculo presencialmente, pelo drive-in, deve retirar o ingresso gratuito 30 minutos antes da apresentação, no IFSP Votuporanga. Apenas 30 carros poderão participar de cada sessão.

Com a licença poética de Mia Couto, “Imprudências Poéticas” invade o horizonte da construção urbana e com uma dança poema pausa o conturbado espaço de concreto. Neste trabalho, a dança serve de palavras para questionar os tantos muros construídos em função dos medos também criados por nós. A apresentação será com balé aéreo.

“O espetáculo promete emocionar o público, que poderá assisti-lo de dentro do carro, com toda a segurança necessária”, comentou Silvia Stipp, secretária de Cultura e Turimo de Votuporanga. Quem optar por acompanhar o balé de forma on-line, pode conferir a apresentação às 21h, no canal do Festival Literário no Youtube.

Programação

A programação no domingo começa às 8h, com a oficina “Vamos falar de mediação de leitura e afeto?”, com Felínio Freitas. Também pela manhã, o público acompanhará a apresentação da Banda Musical Zequinha de Abreu, e a oficina de Teatro de Bonecos, com a Cia. Circo de Bonecos.

Já no período da tarde, as atividades retornam às 13h, com a apresentação do espetáculo Arribação, da Associação Zona Franca. Também terá contação de histórias “Mãos de Vento e Olhos de Dentro”, com Aline Botelho. Os cantores votuporanguenses Monahra, com o projeto Acústico 2’M, e Amadeu Álamo animarão a edição on-line do Festival, a partir das 14h30. Ainda no domingo, outros artistas votuporanguenses promovem atividades, entre elas Naomi Ribeiro, com o espetáculo de dança “Dos quatro ventos”. Direto dos Estados Unidos, Cecília Araújo e Christina Mathis, apresentam o projeto “Música de Longe”.

A última noite do Festival Literário de Votuporanga será marcada pela apresentação do balé aéreo “Imprudências Poéticas”, às 19h e 21h, em formato drive-in. O público também terá a contação de história com Kiara Terra, on-line, às 19h, e às 20h15, “Batalha de Rima”.

Bate-papo com Jarid Arraes e Rodrigo Ciríaco

O último bate-papo com escritores será às 17h. Com mediação de Reynaldo Damazio, o público poderá interagir com Jarid Arraes e Rodrigo Ciríaco.

Jarid Arraes, escritora, cordelista, poeta e autora do premiado “Redemoinho em dia quente”, vencedor do APCA de literatura na categoria contos, e dos livros “Um buraco com meu nome“, “As lendas de Dandara” e “Heroínas negras brasileiras em 15 cordéis“. Atualmente vive em São Paulo, onde criou o Clube da Escrita para Mulheres e tem mais de 70 títulos publicados em literatura de cordel.

Rodrigo Ciríaco é educador e escritor, autor de quatro livros, entre eles “Te Pego Lá Fora” e “Vendo Pó...esia”. Há mais de 15 anos desenvolve ações de mediação de leitura com a Pedagogia dos Saraus e a literatura marginal-periférica. Já foi autor convidado da FLIP, Salão do Livro de Paris, Feira do Livro de Buenos Aires, Feliv (Argélia), Viagem Literária (Siseb), Arte da Palavra (Sesc), Flipelô, Fliv entre outros.

Organização

A 10ª edição do Festival Literário de Votuporanga é uma realização da Prefeitura e do Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Cultura e Economia Criativa. Tem o patrocínio da Facchini e co-patrocínio da Unifev. Conta com a colaboração do SisEB, SP Leituras, Pontos MIS, Poiesis, Museu Casa das Rosas, Amigos da Arte e IFSP Votuporanga. A promoção é da TV TEM.

Acompanhe mais informações em www.flivotuporanga.com.br ou nas redes sociais @flivotuporanga.

11/12/20

Zeca Baleiro é destaque na noite do sábado, no FLIV On-line

O terceiro dia do Festival Literário de Votuporanga será marcado por contação de histórias, oficinas, bate-papo com escritores, espetáculo de dança e teatro de bonecos, além do show exclusivo de Zeca Baleiro. A programação pode ser acompanhada on-line pelo canal do FLIV no Youtube (www.youtube.com/flivvotuporanga).  

Pela manhã, toda a família pode participar das atividades a partir das 8h, com a oficina “Vamos falar de mediação de leitura e afeto?”, com Felínio Freitas. Às 10 horas, direto de Portugal, a atriz, escritora e contadora de histórias Kiara Terra, fará uma intervenção com a história “A Cabaça Encantada”. Já, às 11 horas, as viagens literárias continuam com Aline Botelho, em “A velha do Bosque”.

O contato com o meio ambiente e o incentivo à pesquisa serão destacados na apresentação “Eco-Leitura: Espaço Família Sustentável”, a partir do meio dia. O votuporanguense Ravel Gimenes promoverá a oficina “Introdução à Fotografia Digital: equipamentos e conceitos”, com o projeto “História em casa: conhecendo Votuporanga e o Noroeste Paulista”. A tarde também será marcada pelo espetáculo de dança “Por trás do meu eu: imersão em dança contemporânea”. Integrando os espetáculos de teatro, às 18h30, o público poderá assistir ao “Circus A Nova Tournée”, da Cia. Circo de Bonecos.

Neste sábado, também terão três bate-papos com escritores. Às 14h30, o encontro será com Ricardo Ramos, presidente da União Brasileira de Escritores, mediado pelo curador Pierre Ruprecht. Já às 17h, tem conversa com Micheliny Verunschk, mediada por Reynaldo Damazio. Encerrando as rodas de conversa do dia, às 19h30, quem participa do Festival Literário de Votuporanga é o patrono do evento, Ignácio de Loyola Brandão, mediado por Pierre Ruprecht.

Zeca Baleiro no FLIV

A música no terceiro dia do Festival ficará sobre o comando de Zeca Baleiro. Com uma apresentação preparada exclusivamente para um dos maiores eventos multiculturais do Estado, Zeca trará canções originais, além de interpretar outros compositores e trilhar pelos caminhos da literatura e do teatro. Em 2020, lançou o primeiro single do álbum ‘Canções d’Além-mar”. Em julho, a produção musical completa que homenageia autores portugueses, chegou nas plataformas de música.

Para participar da programação da décima edição do FLIV é só se inscrever no canal do Festival no Youtube (www.youtube.com/FlivVotuporanga) e ativar a notificação, para ser informado de cada atividade. A programação segue até domingo (13/12), com atividades voltadas para todos os públicos.

Organização

A 10ª edição do Festival Literário de Votuporanga é uma realização da Prefeitura e do Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Cultura e Economia Criativa. Tem o patrocínio da Facchini e co-patrocínio da Unifev. Conta com a colaboração do Amigos da Arte, SisEB, SP Leituras, Pontos MIS, Poiesis, Museu Casa das Rosas e IFSP Votuporanga. A promoção é da TV TEM.

Acompanhe mais informações em www.flivotuporanga.com.br ou nas redes sociais @flivotuporanga.


Foto: crédito Silvia Zamboni

11/12/20

Novo formato do FLIV é destacado em abertura oficial do evento

A abertura oficial do Festival Literário de Votuporanga – FLIV foi promovida on-line nesta quinta-feira (10/12) e contou com a participação de autoridades, apoiadores e parceiros. A programação da 10ª edição segue até domingo (13/12) e pode ser acessada pelo Youtube (www.youtube.com/flivvotuporanga).  

Em sua fala, Sérgio de Sá Leitão, secretário de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, enalteceu a importância do Festival para a cultura e a literatura paulista. “Este é um dos maiores eventos multiculturais do Estado e, com o formato que está sendo promovido, consegue alcançar ainda mais pessoas. Quero parabenizar a todos os envolvidos que não medem esforços para levar o Festival para novas fronteiras”, comentou.

Também participaram da cerimônia o reitor da Unifev, Osvaldo Gastaldon, a secretária de Cultura e Turismo de Votuporanga, Silvia Stipp, o deputado estadual e líder do governo na Assembléia Legislativa, Carlão Pignatari, e o prefeito de Votuporanga, João Eduardo Dado Leite de Carvalho.

Para o reitor da Unifev, co-patrocinadora do Festival, a cultura é um importante canal de desenvolvimento da sociedade. “O FLIV cumpre muito bem esse papel e, nós da Unifev, temos muita honra de estarmos juntos nessa missão”, destacou.

O deputado Carlão Pignatari participou da cerimônia diretamente de São Paulo. “Votuporanga sempre se destaca em muitos setores e com o FLIV levamos o nome da cidade para o estado e o Brasil. Somos destaque pelo incentivo às artes e valorização da cultura. Agora, de forma on-line, chegamos em qualquer lugar com conhecimento e entretenimento que o Fliv proporciona”, concluiu.

“Preparamos uma programação para todas as idades e que permite ao nosso público o acesso democrático e enriquecedor de cultura e literatura, além de ser um importante espaço para a divulgação de artistas locais”, comemorou Silvia Stipp, secretária de Cultura e Turismo de Votuporanga.

Durante a sua fala na abertura oficial, o prefeito de Votuporanga João Eduardo Dado Leite de Carvalho, reforçou a contribuição histórica do Festival Literário. “São dez anos de evento, levando esse mundo tão especial para crianças e toda a sua família. Neste ano, o FLIV tem papel fundamental para levar alegria à população, além de despertar o interesse pelos livros e as artes”, finalizou.

Organização

A 10ª edição do Festival Literário de Votuporanga é uma realização da Prefeitura e do Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Cultura e Economia Criativa. Tem o patrocínio da Facchini e co-patrocínio da Unifev. Conta com a colaboração do Amigos da Arte, SisEB, SP Leituras, Pontos MIS, Poiesis, Museu Casa das Rosas e IFSP Votuporanga. A promoção é da TV TEM.

Acompanhe mais informações em www.flivotuporanga.com.br ou nas redes sociais @flivotuporanga.